Jaru Top Festas

GP de Mônaco manterá as ‘grid girls’: “Elas estarão lá, são bonitas”

A emblemática corrida será a única do Mundial que contará com as tradicionais moças que a Fórmula 1 eliminou nesta temporada

As ‘grid girls’ voltarão à Fórmula 1. Mônaco se rebelou contra a decisão da Liberty Media, proprietária da competição desde 2016, e será o único Grande Prêmio que contará com as tradicionais recepcionistas, segundo anunciou Michel Boeri, presidente do Automóvel Clube de Mônaco, que organiza a corrida mais emblemática do calendário, em uma entrevista ao jornal regional Nice-Matín.

A exceção, pactuada, segundo Boeri, representa um parênteses em uma das medidas mais polêmicas adotadas pela empresa norte-americana, e que entrou em vigor no primeiro grande prêmio da temporada, realizado na Austrália, onde crianças foram colocadas no lugar tradicionalmente ocupado pelas moças conhecidas como ‘grid girls’, aparecendo no início do grande prêmio ao lado de seu ídolo. Acabou assim, de uma canetada, uma das imagens mais recorrentes deste esporte, mais fincadas no passado, e uma visão contundente passou a ser definida: “Acreditamos que esse costume não está de acordo com os valores de nossa marca e está claramente em desacordo com as normas sociais atuais. Não acreditamos que a prática seja aprovada ou relevante para a Fórmula 1 e seus fãs, os antigos e os novos, em todo o mundo”. Foi o que declarou há apenas dois meses o diretor comercial de operações da F-1, Sean Bratches.

A resposta em que Boeri anuncia o acordo é também uma declaração de intenções e um posicionamento ante as diferentes medidas avaliadas pela Liberty Media, que ainda não se pronunciou sobre a decisão, para estimular a competição. “As relações com a Liberty são boas porque entendeu que Mônaco não é Spa ou Monza; que é mais fácil tirar proveito midiaticamente de espectadores com taças de champanhe em seus iates do que com espectadores comendo salsichas nas arquibancadas”, começava dizendo a direção. “Não temos problemas reais com a Liberty, à parte essa história com as ‘grid girls’. Entenderam de fato nossos argumentos. As garotas estarão lá, sem cartazes. São bonitas e as câmeras continuarão focando-as em primeiro plano”, acrescentou.

A mudança na Fórmula 1 agora anulada por Mônaco momentaneamente seguia o exemplo de outros esportes, como o ciclismo, onde foram dados alguns passos para evitar imagens em que a mulher só tivesse um papel decorativo, como as recepcionistas de pódio. Algumas competições como a Volta da Catalunha eliminaram diretamente essa figura, enquanto outras, como a Volta da Espanha ou o Tour de France modificaram o protocolo para eliminar, entre outras coisas, o beijo nos ganhadores, algo a que se resiste ainda no Giro da Itália.

 

Fonte: brasil.elpais

 

Atenção: O jarutopfestas não se responsabiliza pelos comentários postados. Viu algum comentário que promova ofensa, racismo, calúnica, xingamento e qualquer algo do gênero? Por favor entre em contato e denuncie

Veja Também