Jaru Top Festas
queimada é crime

A História da Música em Jaru: Idair Ferreira

O último artista jaruense a gravar um disco de vinil compacto duplo (com duas faixas em cada lado) foi Idair Ferreira, nome artístico do cantor e compositor Ideir Ferreira Pinto. Natural de Mato Grosso, local onde também se originou a dupla Geoni e Geonito, Ideir chegou ao Estado de Rondônia em 1982. Fascinado com a área musical, Ideir disse ao autor que, mesmo décadas depois da gravação, possui ótimas recordações de um tempo inesquecível em sua trajetória profissional.

Embora tivessem residido muito próximos no Estado do Mato Grosso, Ideir só veio a conhecer o dueto Geoni e Geonito no município de Jaru. A dupla havia gravado um compacto duplo em São Paulo e conhecendo o potencial de Ideir, resolveu ajudá-lo. O cantor relata que foi a São Paulo conhecer a gravadora Itaipu “com a cara e a coragem”, pois acreditava no seu talento e também devido ao apoio da dupla jaruense que acabara de produzir um disco pela Itaipu seria impossível algo dar errado. Nem mesmo uma fita cassete, algo imprescindível para cantores em início de carreira foi produzida, mas tudo acabou conforme havia sido idealizado. Assim que chegou a São Paulo e conheceu as instalações da gravadora, o cantor Idair Ferreira iniciou o processo de gravação do que seria sua única obra fonográfica. À época, o compositor contava com aproximadamente vinte composições próprias e optou por gravar um disco compacto com as canções mais requisitadas em um ritmo bem popular. A obra teve a produção de 1.500 cópias e todos os discos foram vendidos em Rondônia e Mato Grosso. 

Transformar em música a história vivenciada por ele no local em que escolheu para viver a vida foi uma de suas marcas no campo artístico. A canção “Meu Pedaço de Terra”, a primeira na gravação do compacto, traz uma análise de Rondônia ainda na primeira década de criação do Estado. Um dos trechos da melodia destaca que “Rondônia é o mais novo Estado que faz nosso Brasil crescer”. Outras partes da música enfatizam a importância da chegada de povos oriundos de outros estados da federação em busca de melhores oportunidades nas terras de Rondon, além das belezas existentes que encantaram a muitos.

Presença na televisão jaruense

Ideir Ferreira se apresentou em vários programas que tinham como foco a valorização da chamada “música raiz” e era figura presente em programas da TV Anary, o primeiro canal de televisão de Jaru com programação local. Porém, a alta inflação ocorrida no fim da década de 1980 influenciou no encerramento precoce da carreira artística do cantor e compositor jaruense. Ele continuou residindo no município até o ano de 2010 e em seguida se mudou para a vizinha cidade de Theobroma. 

Embora tenha gravado apenas uma obra musical, Ideir pode se considerar também detentor de outro recorde. Além de ser o último artista local a gravar um disco compacto duplo, o famoso 33 RPM (Rotações por Minuto), o cantor também conseguiu a proeza de fazer parte da história nacional no gênero, uma vez que esse formato de gravação não fora mais produzido em nível nacional. Ao considerar o seu caminho trilhado no período pós-gravação, pode-se dizer, em termos linguísticos, que ele deixou a música, mas a música não o deixou, pois o processo de composição seguiu adiante. 

A publicação da série “A História da Música em Jaru” está sendo possível graças a uma parceria entre os principais sites do município e o escritor Elias Gonçalves Pereira. Os textos serão publicados de 13 de maio a 06 de junho de 2019, data em que o escritor lançará o livro “Um Tratado sobre a Música, a Literatura e a Comunicação Jaruense” nas dependências da Associação Comercial e Industrial de Jaru, a ACIJ. 

As reportagens serão publicadas na seguinte ordem:

01. Destaques das décadas de 1970 e 1980 –13/05/2019 
02. Juca & Marquinhos – Banda Swing & Country– 14/05/2019
03. Pescador & Garimpeiro – Diamante &Garimpeiro – 15/05/2019
04. Jorge Faccini – 16/05/2019
05. Jenival Silva – 17/05/2019
06. Geoni e Geonito – 20/05/2019
07. Idair Ferreira – 21/05/2019
08. Marcos Paulo & Claudney – Banda Los Arcanjos– 22/05/2019
09. Dalberto & Darnel – 23/05/2019
10. Márcio & Messias – Banda Flash Music –24/05/2019
11. Mário & Marquinhos – 27/05/2019
12. Eder & Eder – 28/05/2019
13. Divas Diogo – 29/05/2019
14.Heliane Markes – 30/05/2019
15. Arllan Cardek e BandaMaria Juana – 31/05/2019
16. Gilson Fagner – 03/06/2019
17. Banda Country Music /Albatroz – 04/06/2019
18. Beto Neves – 05/06/2019
19. Banda Pelô Art –06/06/2019

Fonte: Elias Gonçalves
Fotos: Arquivo Pessoal: Ideir Ferreira
Copyright© 2019. Todos os direitos reservados.

Ouça uma das faixas musicais do cantor, onde ele faz uma homenagem ao Estado de Rondônia

Atenção: O jarutopfestas não se responsabiliza pelos comentários postados. Viu algum comentário que promova ofensa, racismo, calúnica, xingamento e qualquer algo do gênero? Por favor entre em contato e denuncie

Veja Também