Jaru Top Festas

Jovem de 17 anos é estuprada e se apaixona pelo próprio agressor

A vítima foi estuprada novamente quando ia se encontrar com estuprador por quem se apaixonou.

A agressão sexual é uma experiência muito traumática que pode acontecer tanto para homens quanto para mulheres de qualquer idade e status social. Os agressores normalmente usam violência e ameaçam para cometer os atos ilícitos e ter o controle sobre sua vítima indefesa.

Independentemente do lugar ou da hora em que o crime ocorreu, a violação sempre será assustadora e deixará um grande efeito psicológico para a vítima. Há milhares de crimes de estupro ocorridos a cada ano.

Alguns são relatados, enquanto algumas vítimas permaneceram em silêncio. Mas neste caso aqui é totalmente diferente, onde a vítima que foi estuprada acabou se apaixonou pelo estuprador. [VIDEO] Porém, ao fugir de casa para se encontrar com o agressor, ela acabou sendo estuprada novamente, mas, desta vez, por três homens ainda não identificados pela #Polícia.

Entenda como tudo aconteceu
Uma adolescente de 17 anos foi vítima de estupro coletivo na madrugada de sábado (25), na cidade de São José do Rio Preto, interior de São Paulo. Conforme informações da imprensa local, a própria mãe da vítima foi até uma delegacia da cidade e registrou um boletim de ocorrência relatado o caso.

Segundo o que consta no BO, a mãe da menor relata que alguns meses atrás a filha havia sido estuprada por um homem. Porém, o mais surpreendentemente de tudo foi que a menina acabou se apaixonado pelo agressor. Desde então, ela vive fugindo da casa onde mora com a família para se encontrar com o estuprador. [VIDEO]

Narrando o fato, a mãe da adolescente disse que, na noite de sábado, a filha havia fugido de casa para se encontrar com o rapaz. Mas, no trajeto, ela foi abordada por quatro homens que estavam em um carro.

A jovem foi convidada a entrar no veículo pelos acusados e ela aceitou.

Em seguida, ela foi levada para um local de pouco movimento, onde foi estuprada por três homens, [VIDEO] de acordo com a mãe da vítima. Após cometerem o crime, ela foi abandonada em uma rua localizada na Zona Leste de Rio Preto.

A Polícia Civil abriu um inquérito policial e o caso está sendo investigado. O portal de notícias G1 entrou em contato com a família da adolescente, mas não obteve resposta. Até o fechamento deste artigo, nenhum dos envolvidos no crime foi localizado ou preso pela polícia.

Qual a sua opinião sobre essa história? Compartilhe seus pensamentos na seção de comentários logo abaixo. Não se esqueça de se escrever em nosso canal Investigação Criminal para ficar por dentro em tudo que virou notícia no Brasil e no mundo. #Violência doméstica #Violência sexual

 

 

Atenção: O jarutopfestas não se responsabiliza pelos comentários postados. Viu algum comentário que promova ofensa, racismo, calúnica, xingamento e qualquer algo do gênero? Por favor entre em contato e denuncie

Veja Também